• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Sindicato dos Bancários de Criciúma cobra fechamento das agências bancárias

O sindicato encaminhou ofícios às gerências dos 55 locais de trabalho  em 10 municípios de base cobrando o fechamento e orientando as superintendências.

Publicado: 19 Março, 2020 - 12h22 | Última modificação: 19 Março, 2020 - 12h31

Escrito por: Maristela Benedet

notice

O Sindicato dos Bancários de Criciúma e Região, visando cumprir o Decreto retificado nesta quarta-feira (18) pelo Governador do Estado, Moisés da Silva, que incluía o fechamento imediato de todas as agências bancárias e, também, com a intenção de preservar a integridade física dos trabalhadores, encaminhou ofícios às gerências dos 55 locais de trabalho  em 10 municípios de base cobrando o fechamento e orientando as superintendências.

 A presidente Dirceia de Mello Locatelli e o diretor Laercio Silva se reuniram com o Coronel Cosme Manique Barrreto, do Comando da Polícia Militar para exigir o fechamento das agências e fiscalizar os locais de trabalho. “Estamos buscando informações junto as agências e, até o momento, algumas já fecharam. De outra forma, a Polícia Militar será acionada caso elas não cumpram o Decreto”, pontua a presidente do Sindicato, Dirceia.