• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Fórum Estadual e Popular de Educação faz sua primeira reunião em 2019

Os objetivos do encontro é iniciar a estruturação e articulação do Fórum, e a realização de um Seminário Estadual para mobilizar toda comunidade educacional comprometida com a luta.

Publicado: 07 Fevereiro, 2019 - 09h17

Escrito por: Sinte-SC

notice

Sob o pilar da defesa da escola pública e dos/as trabalhadores/as em educação, estiveram reunidos nessa quarta-feira (6), na sede do SINTE/SC, além de dirigentes da entidade, a Coordenação do Fórum Estadual Popular de Educação – FEPE/SC. Os objetivos do encontro é iniciar a estruturação e articulação do Fórum, e a realização de um Seminário Estadual para mobilizar toda comunidade educacional comprometida com a luta. O evento ocorrerá no dia 20 de março, em Florianópolis, quando se pretende debater e entender o que esse Governo pretende para a educação pública.

O Seminário Estadual deve contar com palestrantes de nível nacional, que farão a apresentação de dados e perspectivas já apresentadas pelo Governo Bolsonaro, bem como, possíveis caminhos para reafirmar a resistência da educação aos planos nefastos do MEC. Vale ressaltar que a educação está sendo atacada. Professores são acusados de doutrinadores e se tornaram alvo dos que defendem a Escola sem Partido, movimento que tem lado e ideologia política da extrema direita.

Estudantes também são atingidos, sendo cerceados de uma escola democrática, inclusiva e de qualidade, por exemplo, a reforma do Ensino Médio, que tem a intenção de formar mão de obra barata ao mercado e a Medida Provisória da escola domiciliar (homeschooling), prestes a ser encaminhada, retira do aluno a socialização obtida na escola e certamente causará grande desemprego aos professores/as.

Na reunião as lideranças mencionaram a importância de dialogar com os movimentos de mulheres, negros indígenas, LGBTIs, unificando a luta, já que a educação é pauta de toda sociedade.

Outro encaminhamento foi a participação na reunião do Fórum Nacional e Popular de Educação que ocorrerá em São Paulo nos próximos dias 21 e 22/02.

Relembre porque foi criado o Fórum Nacional e Popular de Educação

Após a publicação no Diário Oficial da União do Decreto Executivo de 26 de abril de 2017 e da Portaria No. 577 de 27 de abril de 2017, que, respectivamente, desconstrói o calendário da Conferência Nacional de Educação de 2018 (Conae-2018) e desfigura o Fórum Nacional de Educação (FNE), estabelecido pela Lei 13.005/2014 (Lei do Plano Nacional de Educação 2014-2024), entidades preocupadas com a defesa e promoção do direito à educação pública, gratuita, laica e de qualidade para todo cidadão e para toda cidadã decidiram se retirar coletivamente do FNE e criaram o Fórum Nacional Popular de Educação – FNPE.

Acesse o site do FNPE e saiba mais. http://fnpe.com.br/

carregando
carregando